Cine- opiniões(parte 7)


Bigger, Stronger, Faster(2008)
Bigger_stronger_faster_ver5
Até aonde o ideal “vencer a qualquer custo” pode levar uma pessoa? Ser o maior, melhor e mais forte entre todos ao seu redor é uma coisa tão importante assim? Isso é o que esse documentário nos faz indagar a nós mesmos.

Dirigido por um documentarista amador chamado Chris Bell, o filme nos leva a acompanhar sua história e de seus dois irmãos, Mad Dog e Smelly. Desde crianças, eles idolatravam astros como Stallone, Schwarzenegger e o lutador Hulk Hogan, todos ídolos grandes e fortes como touros. Perseguindo o físico perfeito, eles malham desde a pré – adolescência e tentam a sorte como lutadores profissionais e halterofilistas, mas nenhum deles conseguiu o corpo ideal. Dou um doce para quem adivinhar o que eles resolveram fazer.
hoganh
Quando descobriram o que deixava o Arnold parecendo o Morro do Pai Inácio, todos, exceto Chris, usaram anabolizantes escondidos da família até seus 30 anos. O estado de saúde – ou a falta dela-, em que Mad Dog e Smelly ficaram por causa deles inspirou Chris a rodar um documentário que nos mostra a realidade nua e crua- pelo menos, o quão longe um documentário pode ir nesse quesito- da sub- cultura das drogas melhoradoras de performance. Também discute até onde usar qualquer coisa que o faça parecer um atleta melhor pode ser considerado trapaça.
762798-2400-ga
Todo mundo que lê meu blog sabe do meu caso de amor e ódio com a academia. A tentação de injetar alguma coisa no músculo é muito grande, mas, felizmente, eu partilho das mesmas opiniões de Chris Bell. Certa vez, quando eu passava na porta de uma academia daquelas bem vagais, um cara lá de dentro veio me oferecer uma latinha de testosterona sem nenhum motivo. Eu recusei, e ele me xingou todo. Eu já não sou uma pessoa que leva uma vida das mais saudáveis, se eu caísse de boca na “deca”, então, imagina onde é que eu iria parar?
cachorro
Durante as quase duas horas de duração, nos mostra a hipocrisia com que as drogas são tratadas no mundo dos esportes e em outros mundos. Muitos pilotos de caça americanos alçam vôo com a cabeça cheia de anfetaminas ou coisa pior. Alguns músicos tomam drogas lícitas para se concentrar mais nos ensaios. A maioria dos estudantes de faculdade de lá são viciados em cafeína e metanfetaminas para atravessar as longas jornadas de estudo. Quase todos os atletas americanos usam anabolizantes legais, mas quase todos também trapaceiam no anti- doping. Ele também mostra o mundo das fotografias de revista de fitness, onde eles pegam caras gordos e transformam em montanhas de músculos no Photoshop em questão de minutos para anúncios de complexos vitamínicos, e todo mundo cai nesse conto do vigário ridículo. Em seu momento mais tocante, Arnie, ao virar governador da Califórnia, manda retirar todos os pôsteres de seus tempos de Mr. Olympia das paredes da academia Gold’s Gym, a qual ele ajudou a ficar famosa nos anos 80, como se tivesse vergonha do seu passado de usuário.
GoldsGym2
Como a maioria dos documentários, esse segue uma linha tendenciosa desde o início, tentando nos convencer a qualquer custo que esteróides são coisas do demônio e que perseguir o famoso “sonho americano” é uma tarefa ingrata. Temos meia hora de filme em que os irmãos de Chris resolvem confessar aos pais que usam drogas desde a adolescência para virarem o Stallone, em meio a muito chororô e lições de moral. Isso quebra o ritmo da narrativa, mas no final das contas, Chris Bell realizou um doc leve, divertido, que nos faz pensar se a vitória é a coisa mais importante da vida.

NOTA: 9,0

Anúncios

Uma resposta

  1. Muito dificil fazer um comentário distanciado, isento e ao mesmo tempo tocante, de uma atitude que sei que condena. Ficou no tom certo. Muito bem!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: