Entãããão, você voltou…


Adivinha quem resolveu colocar o focinho pra fora de casa de novo? Pois é, gente. Ainda não morri, tampouco esse blog. Depois de três meses sem nem pensar em voltar aqui, de repente me bateu uma saudade desse espaço… Tanta saudade que acabei com a antiga imagem dele, a começar pelo layout do site. gostaram?

Provando novamente que sou um “caboclinho sem costume”, como diria meu avô, já volto querendo discutir nossa relação. Todo mundo já deve ter sacado que o motivo porque eu parei de atualizar por tanto tempo foi porque eu já não aguento mais fazer a mesma coisa que vinha fazendo. Mas o galho é que as pessoas que ainda vêm aqui se apaixonaram justamente pelo “mais do mesmo”.  Quando visitam o blog já sabem exatamente o que vão encontrar: Um sujeitinho solitário que só sabe satirizar e falar mal de quase tudo, com uma ou outra homenagem positiva pra quebrar a monotonia.

Por essa razão todo autor odeia usar ou criar clichês para si mesmo, pois uma vez que caiu no gosto do público com isso, são forçados a continuar seguindo nessa mesma linha até o túmulo. Diogo Mainardi que o diga… Então, estou aberto a sugestões, galera. O que vocês acham que poderia ser feito para “desclichezar” e melhorar o blog? Só não respondam “deixar tudo do jeito que tá”, por favor…

Até qualquer outro dia!

7 Respostas

  1. Sou favorável a uma certa periodicidade, uma leve rotina, mas sem um formato exato ou de tamanho. Sugiro textos menores e mais frequentes, abordando temas diversos e atuais. Sendo sobre atualidades, é preciso botar o focinho de fora mais vezes. Espero que se mantenha, pois eu gosto do seu jeito de ser e de escrever. Figuras também são bem-vindas.

  2. Também concordo,
    Acho que de quinze em quinze dias estaria bem legal.

    Agora sobre os assuntos…
    Acho que poderia continuar postando crônicas mas post sim post não. e aqueles que não fosse poderiam ser sobre atualidades ligadas aos seus gostos como Desenho, história, processos de criação…

  3. Que bom que você voltou!!! Consegui convencer alguém nessa vida!!!! hahahaha
    Fiquei bastante feliz!!!! Beijão!!

  4. Oi Fernando; esse é de fato o retrato da vida. Mas, se em nossos primeiros textos fomos verdadeiros e autênticos, e o que é ainda melhor, gostaram da gente…não é que foi criado um estereótipo para vc. Vc o criou, ele é seu. O que não agrada portanto é a provável incompreensão do próximo, que não aceita a dinâmica do mundo e da vida, sempre em ebulição, sempre em revolução. Um grande abraço. Clívio

  5. os textos continuam estão maravilhosos, erdou de sua mãe o do das letras, parabens pelo blogue

  6. os textos estão maravilhosos, erdou de sua mãe o do das letras, parabens pelo blogue

  7. Estou conhecendo a partir de hoje e já estou gostando. Concordo que voce deveria colocar trechos mais curtos com mais variedades de assuntos.
    Sua dinâmica é ao que parece, pautada na agilidade do raciocínio e no tirocínio com relação aos textos lidos e aos fatos relatados na imprensa.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: